quarta-feira, 2 de maio de 2018

Soul Eater vol.22 - The Desire and Flames Named Insanity - Atsushi Ohkubo

   "The remaining Death Weapons, along with Kid, gather to stage their assault on the moon. As they approach the Kishin's hideout, Stein and Justin clash in a violent, madness-fueled battle. Stein struggles to maintain his grip on sanity while Justin draws power from the Kishin's inexhaustible aura of madness. Everyone knows there will be casualties on the road to restoring "order"--but will Stein become the first?"

   Boas Leitores!
   Vigésimo segundo volume lido! Só faltam mais três volumes e a saga estará terminada! Este volume conta também com cinco volumes, o que é um bónus em si.
   E tem tanta coisa a acontecer! Este volume contém apenas a continuação do arco que já tinha sido iniciado antes, ou seja, os cinco capítulos estão baseados na guerra que está a acontecer na lua e no grupo Spartoi atrás de Crona. Mas não há nada de errado com isso, antes pelo contrário.
   Estas duas partes da guerra estão presentes nos cinco capítulos, mas nem sempre nas mesmas "concentrações", há capítulos mais focados num ou noutro ponto. No entanto é sempre bom estarmos a ser actualizados quanto ao que está realmente a acontecer em todas as partes da guerra.
   Não existe nenhum desenvolvimento de personagens em todo o volume. Ou talvez haja. Ainda não me decidi bem quanto a isso, o certo é que nenhum dos protagonistas é protagonista no desenvolvimento, quem tem esse papel na história é uma das personagens secundárias.
   O que há bastante são lutas e acção. Em todos os capítulos temos disso. E enquanto as lutas ocorrem temos personagens em todo o lado a fazer outras mil coisas, procurar o Kishin, fazer pactos, salvar pessoas, procurar pessoas, etc. E no meio desta confusão toda temos o leitor, que, surpreendentemente, não se sente perdido e sim ansioso para saber mais.
   A luta principal é com Stein, uma das personagens secundárias mais interessantes, e no meio da luta, a lição que o leitor aprende é algo valioso também, o que acrescenta alguns pontos positivos a este volume.
   Os outros pontos negativos (que são pequenos) reflectem-se mais no fanservice que foi um pouco exagerado neste volume e na arte que está a conter cada vez mais esquizofrenia (e que, em si, faz completo sentido quanto ao que deveria ser, afinal quanto mais perto do Kishin, mais insanidade existe).
   Claramente o paço está a aumentar com o final desta saga, esperamos ansiosamente pelo próximo volume! Caso queiram saber mais sobre o volume anterior, basta seguirem o link: Crítica - Soul Eater Vol.21
   Boas Leituras... ;)
7.5/10

André

0 comentários:

Enviar um comentário

Páginas Comentadas