quarta-feira, 16 de maio de 2018

Red Mars - Kim Stanley Robinson

   "In his most ambitious project to date, award-winning author Kim Stanley Robinson utilizes years of research & cutting-edge science in the 1st of a trilogy chronicling the colonization of Mars: For eons, sandstorms have swept the desolate landscape. For centuries, Mars has beckoned humans to conquer its hostile climate. Now, in 2026, a group of 100 colonists is about to fulfill that destiny. John Boone, Maya Toitavna, Frank Chalmers & Arkady Bogdanov lead a terraforming mission. 
   For some, Mars will become a passion driving them to daring acts of courage & madness. For others it offers an opportunity to strip the planet of its riches. For the genetic alchemists, it presents a chance to create a biomedical miracle, a breakthrough that could change all we know about life & death. 
   The colonists orbit giant satellite mirrors to reflect light to the surface. Black dust sprinkled on the polar caps will capture warmth. Massive tunnels, kilometers deep, will be drilled into the mantle to create stupendous vents of hot gases. Against this backdrop of epic upheaval, rivalries, loves & friendships will form & fall to pieces--for there are those who will fight to the death to prevent Mars from ever being changed.
   Brilliantly imagined, breathtaking in scope & ingenuity, Red Mars is an epic scientific saga, chronicling the next step in evolution, creating a world in its entirety. It shows a future, with both glory & tarnish, that awes with complexity & inspires with vision."

   Hey Readers!
   Lá estamos nós a começar uma nova trilogia, desta feita, na língua inglesa. A Mars Trilogy é, como o nome diz, composta por três volumes, sendo que este é o primeiro. E deixem que vos diga só assim um sneak peek que as capas são muito reveladoras do nome da obra, ora vejamos, Red Mars tem uma capa vermelha (ou próxima do vermelho), o que virá a seguir?
   Não pensemos nisso por agora, e foquemos os nossos cérebros nesta obra. A viagem para colonizar Marte. E a história de como a civilização em Marte é desenvolvida e evolui. É uma boa premissa e ao ler esta obra qualquer pessoa nota que a pesquisa envolvida na criação deste livro foi tremenda e profunda. Qualquer que seja o pormenor científico, parece realmente aceitável e provável de acontecer. Isto em parte só cria expectativa no leitor, que pensa "se é preciso apenas isto, então porque não somos nós, nesta geração, e não só no ano 2026 a colonizar Marte?".
   É fantástico ler sobre o dilema entre terraformar um planeta ou não, e como as cem pessoas que foram encarregadas de colonizar o planeta se dividem perante este problema. Claro que aprendemos muito mais, sistemas sociais e um possível futuro da nossa humanidade são algumas delas.
   No entanto há coisas que não combinam muito bem nesta história. As personagens foram algumas delas. Cada capítulo é encarregue a uma nova personagem, e como tal haverá sempre personagens que preferimos a outras, mas neste caso o que aconteceu não foi não gostar de alguma personagem. O problema foi algumas das personagens parecerem superficiais, não terem qualquer vontade única, profundidade psicológica, se é que isso existe. Houve um ou dois capítulos que lia a pensar "por favor, que isto acabe que já não posso mais" porque a personagem parecia só andar pelo mundo para cumprir o objectivo do escritor e não para ter a sua própria "voz".
   No final, os positivos varreram por completo os negativos e fiquei extremamente curioso para ler já o segundo volume, mas por agora virarei para outros géneros. Caso hard sci-fi seja a vossa onda, então esta de certeza que é uma boa escolha!
   Boas Leituras... ;)
8/10

André

0 comentários:

Enviar um comentário

Páginas Comentadas