terça-feira, 1 de março de 2016

Despertada - P.C. Cast + Kristin Cast

   "A Casa da Noite aguarda-te. Um local cheio de perigos e segredos onde os jovens marcados têm dois destinos: ou se transformam em vampyros ou morrem destroçados.
   Exonerada pelo Alto Conselho dos Vampyros, Neferet jurou vingança contra Zoey Redbird e o domínio que exerce sobre Kalona é apenas um dos planos que pretende usar contra ela. Mas Zoey encontrou refúgio na Ilha de Skye e está a ser treinada pela rainha Sgiach para tomar o seu lugar. Haverá algo melhor do que a ideia de se tornar uma rainha? Porque desejaria voltar para Tulsa? Após a perda de Heath, Zoey nunca mais foi a mesma e a sua relação com o guerrerio Stark também poderá nunca voltar a ser igual...
   E conseguirão a vampyra Stevie Ray e Refaim continuar juntos? Este recusa ser usado contra ela, mas que escolha tem quando ninguém, nem mesmo Zoey, aprova a relação entre ambos? Irá Refaim trair o seu pai ou escolher o seu coração?"

   Olá leitores!
   Começamos o mês de Março com um retomar a uma saga que vai sendo colocada aqui no blogue de anos a anos, já fez dois anos e pouco desde o último volume. Se pensava na altura que seriam oito volumes, sendo este o 8º, estava completamente enganado. Esta saga tem 12 volumes, sendo que como já disse este é o oitavo, ou seja por este andar daqui a uma década acabarei a saga.
   Não que me importe muito porque sempre que volto a pegar nisto penso que realmente esta história perdeu todo o seu rumo. Era uma história interessante nos primeiros volumes, mas após a vinda de "Kalona" uma das personagens más da fita (que vão por mim, tenho a certeza que vai virar uma personagem boa num dos próximos livros) que o enredo foi por água abaixo.
   Os casos amorosos são previsíveis sobre o que vão fazer e como vão acabar. Então histórias de amor impossíveis são as mais cliché que há, sendo que não passaram nem 50 páginas e já imaginava o que aconteceria ao casal Stevie Ray/Refaim.
   Os pontos positivos passam pelo facto de ser um livro pequeníssimo (não chega às 250 páginas), e ser de uma leitura fácil, as autoras não se põem com grandes descrições ou leituras densas, até porque o público-alvo não tem esse interesse. Quanto a ser um livro pequeno, claramente serve para aumentar os lucros, visto que podiam perfeitamente ter metido o volume 9 neste porque a história deste não foi nada.
    Não existe muito mais a dizer, os leitores (mais leitoras de certeza) de idades mais jovens talvez tenham uma preferência maior por estes livros, mas mesmo eles acho que a certa altura se fartarão da história andar a rondar os mesmos problemas durante livros e livros. Caso queiram saber a opinião dos livros anteriores, basta clicarem no link seguinte: Crítica - Queimada
   Boas Leituras... ;)
3.5/10

André

0 comentários:

Enviar um comentário

Páginas Comentadas