sexta-feira, 2 de novembro de 2012

A Melodia do Adeus - Nicholas Sparks

   "Com apenas dezassete anos, Verónica Miller - ou «Ronnie», como é carinhosamente chamada - vê a sua vida virada do avesso quando o casamento dos pais chega ao fim e o pai se muda da cidade de Nova Iorque, onde vivem, para Wrightsville Beach, uma pequena cidade costeira na Carolina do Norte. Três anos não são suficientes para apaziguar o seu ressentimento, e quando passa um Verão na companhia do pai, Ronnie rejeita com rebeldia todas as suas tentativas de aproximação, ameaçando antecipar o seu regresso a Nova Iorque. Mas será na tranquilidade que envolve o correr dos dias em Wrightsville Beach que Ronnie irá descobrir a beleza do primeiro amor, quando conhece Will, e vai afrouxando, uma a uma, todas as suas defesas, deixando-se tomar por uma paixão irrefreável e de efeitos devastadores. Nicholas Sparks é, como sabemos, um mestre da moderna trama amorosa, e, em A Melodia do Adeus, usa de extrema sensibilidade para abordar a força e a vulnerabilidade que envolvem o primeiro encontro com o amor e o seu imenso poder para ferir… e curar."

   Boas pessoal...
   Aqui estou no mês de Novembro com uma nova crítica do mesmo autor que as duas últimas. Mas vá para não enjoarem completamente de Nicholas Sparks digo-vos que este é o último livro que leio dele durante algum tempo.
   Esta obra foi para mim, uma experiência agridoce, por um lado porque no início não me estava a agradar muito, parecia aquilo que chamo de filmes de domigo à tarde com clichés e tudo. No entanto com o desenrolar da história fui-me agarrando cada vez mais até que no fim se tornou bastante emocional.
   Pelo menos nesse último aspecto não tenho nada a criticar, está excelente e consegue tocar mesmo na sensibilidade das pessoas, dos livros que li dele este foi o mais emotivo para mim sem dúvida.
   A escrita com a perspectiva de várias personagens aumenta de certa forma a vontade de ler, quando aparecia algum capítulo duma personagem que gostava mesmo que estivesse cansado tinha de ler, era obrigatório para mim.
   É um livro que aconselho a lerem, e para ficarem um pouco emotivos se se são de dar ao luxo disso... E desde já desaconselho a verem o filme está bastante diferente. Se quiserem comprar o livro: Wook
    Boa Leitura... ;)
9/10

André

0 comentários:

Enviar um comentário

Páginas Comentadas